Dispensada pelo SBT, Rachel Sheherazade denuncia: “Dono da Havan pediu minha cabeça”

Após quase 10 anos trabalhando no SBT, Rachel Sheherazade foi demitida da emissora. A saída forçada, segundo a jornalista, foi porque o empresário Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, teria pedido, publicamente, que Silvio Santos a demitisse por conta das suas opiniões políticas.

“Tem muitas coisas, mas a declaração do dono da Havan, que se autodeclara como ‘véio da Havan’. Ele veio a público pedir a minha cabeça. Ele é um dos maiores patrocinadores do SBT e de outras grandes emissoras também. Então, ali eu já sentia alguma coisa”, afirmou a jornalista.

Ela também disse que “eu entendo que nem toda emissora está interessada em dar liberdade de opinião para os seus contratados. E a minha liberdade de expressão e opinião vai estar sempre presente em minhas redes sociais. Isso é a garantia de poder expor a minha opinião”