Centrão emplaca professor paraibano como secretário de Vigilância em Saúde

Ele substitui o epidemiologista Wander Oliveira, que era um dos braços direitos do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta

Após conseguir a nomeação de um indicado para a diretoria do Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação (FNDE), o Partido Liberal (PL) voltou a receber mais uma garantia do governo de Jair Bolsonaro (sem partido). Dessa vez foi o nome de um indicado aprovado para chefiar a Secretaria de Vigilância em Saúde, uma das mais importantes pastas do Ministério da Saúde.

O escolhido pelo partido é Arnaldo Correia de Medeiros, professor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). De acordo com o portal “Poder 360”, que noticiou a escolha de Medeiros, essa é a 11ª indicação de nomes por parte do centrão ao atual governo. Ele é indicação direta do deputado federal paraibano Wellington Roberto. 

Arnaldo Correia é graduado em ciências farmacêuticas pela UFPB, com mestrado em bioquímica e imunologia pela UFMG e doutorado em ciências biológicas pela USP. Ele também é epidemiologista e foi um dos principais formuladores da estratégia do Ministério da Saúde para enfrentar a Covid-19.

Ele substitui o epidemiologista Wander Oliveira, que era um dos braços direitos do ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.