Brasil tem 987 novas mortes por covid em 24 h; total passa de 134 mil

O Ministério da Saúde informou hoje, no portal oficial, que 987 novas mortes foram confirmadas nas últimas 24 h, totalizando 134.106 óbitos pela covid-19 no país desde o início da pandemia.

Ainda segundo a pasta, o Brasil registrou 36.820 novos diagnósticos entre ontem e hoje. Ao todo, o país já contabilizou 4.419.083 casos confirmados do novo coronavírus.

O governo federal considera 3.720.312 casos recuperados e afirmou que há 564.665 pacientes em acompanhamento.

Bolsonaro defende cloroquina na posse de Pazuello

Mais cedo, o general Eduardo Pazuello tomou posse como ministro da Saúde, após permanecer como interino no cargo por quatro meses.

Na cerimônia, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a defender o tratamento precoce da covid-19 com o uso da hidroxicloroquina —droga que não tem eficácia comprovada contra a doença.

Ele destacou que, mesmo sem ser médico, estava certo na forma de conduzir a pandemia.

“Parabenizo toda a classe médica, em especial àqueles que ousaram com a cloroquina”, disse Bolsonaro, que mostrou a caixa da medicação e foi aplaudido.

Veículos se unem pela informação

Em resposta à decisão do governo Jair Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia de covid-19, os veículos de comunicação UOL, O Estado de S. Paulo, Folha de S.Paulo, O Globo, G1 e Extra formaram um consórcio para trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias diretamente nas secretarias estaduais de Saúde das 27 unidades da federação.

O governo federal, por meio do Ministério da Saúde, deveria ser a fonte natural desses números, mas atitudes recentes de autoridades e do próprio presidente colocam em dúvida a disponibilidade dos dados e sua precisão.